Como saber se você tem potencial para fazer uma abertura total

Posted: 29.7.16 by Glauber Ataide in Marcadores:
0

Incompreensões sobre alongamento e flexibilidade e o método de testar seu potencial para fazer uma abertura lateral

Por Thomas Kurz
Tradução de Glauber Ataide


Este é o primeiro artigo de minha coluna sobre treinamento que apareceu em março de 1999 na edição da revista Taekwondo Times.

Minha área de expertise é o condicionamento para esportes e artes marciais, mas eu sou mais conhecido como autor do livro Stretching Scientifically: A Guide to Flexibility Training e do vídeo Secrets of Stretching.

Apesar desta coluna ter o nome de Stretch Yourself ("Alonge-se"), ela irá lidar com quase todos os aspectos do treino físico, já que todos estão relacionados e não devem ser tratados separadamente.

Darei aos leitores informações que eles podem colocar em prática imediatamente e experimentar seus benefícios de forma muito rápida também. Desfarei, assim, algumas incompreensões sobre métodos de exercícios e de treinamentos, entre as quais:
  •  Que a maioria das pessoas não pode fazer abertura lateral por causa da estrutura de suas juntas e da extensão (tamanho) de seus ligamentos;
  •  Que demora muito tempo para alcançar uma grande flexibilidade;
  •  Que o treino de força limita a flexibilidade e a velocidade;
  •  Que o alongamento estático, como tentar fazer aberturas laterais, deve ser feito durante o aquecimento para melhorar a amplitude de movimento e evitar lesões;
  •  Que o alongamento evita lesões.

Há outras incompreensões que irei abordar à medida que elas surgirem ao discutir questões específicas, e também ao responder às questões dos leitores.

Neste artigo irei abordar a primeira incompreensão: que a maioria das pessoas não consegue fazer aberturas devido à estrutura das juntas dos quadris e ao tamanho dos ligamentos das juntas dos quadris.

Há alguns testes simples para mostrar que, para a grande maioria das pessoas, a estrutura das juntas e o tamanho dos ligamentos não são um obstáculo para fazer abertura. Você pode fazer este teste para verificar se você tem potencial para fazer aberturas lateral e frontal antes de iniciar seu programa de alongamento. (Sim, há pessoas que não podem fazer aberturas laterais por causa de uma deformidade da junta do quadril chamada coxa vara.)

Aqui está o teste para a abertura lateral: fique de pé ao lado de uma cadeira ou mesa e coloque sua perna sobre ela como mostrado abaixo. Certifique-se que tanto o seu quadril quanto sua perna elevada estão ambos alinhados. 


Agora repita este teste com a outra perna.

Se você acha que o tamanho dos seus músculos e a estrutura de seu quadril não te permitem fazer abertura lateral, faça este teste... a perna repousando na cadeira está na posição que estaria em uma abertura lateral.

Agora, o que você fez? Você fez uma "meia abertura lateral" com cada uma das pernas!

Você provou a si mesmo que ambas as juntas do seu quadril têm toda a mobilidade (amplitude de movimento) requerida para uma abertura lateral completa!

Você também provou que os músculos de cada uma das suas pernas já são longos o suficiente para uma abertura lateral. Você sabe que nenhum músculo ou ligamento vai do lado interior de uma coxa à outra (ou, se você não sabe, pergunte ao seu médico). Então, o que te impede de fazer uma abertura lateral total com ambas as pernas esticadas ao mesmo tempo? Seu sistema nervoso, isso é o que te impede!

Eu não vou te aborrecer aqui explicando como isso acontece. O importante é que com o método correto de alongamento você irá ensinar ao seu sistema nervoso a te deixar fazer aberturas laterais a qualquer hora, sem aquecimento.

O método correto trabalha com o seu sistema nervoso e  te permite fazer aberturas em questão de meses, algumas vezes até mesmo em semanas. Outras formas de alongar demoram mais tempo e trazem piores resultados, pois trabalham contra o seu sistema nervoso.

Eu ressalto um método em oposição a simples alongamentos. Você pode conhecer muitos alongamentos, mas não são apenas alongamentos que fazem a diferença em flexibilidade. O que realmente faz a diferença é quando e qual alongamento ou exercício você faz durante seu treino.

Muitos adultos, que podem fazer o teste da abertura lateral com facilidade, têm grande dificuldade, no entanto, de fazer a abertura lateral (mas não necessariamente com a abertura frontal) devido a um problema na parte exterior de seus quadris. Eles sentem que há um "limite", acompanhado por uma dor na parte exterior do quadril ou na região superior da coxa que os impede de abrir suas pernas o suficiente para fazer uma abertura total. No próximo artigo eu direi o que fazer quanto a isso.

0 comentários: